-
-
409 m
164 m
0
1,7
3,3
6,67 km

Skoðað 276sinnum, niðurhalað 7 sinni

nálægt Reguengo do Fetal, Leiria (Portugal)

Partindo do Largo da Palmeira para Largo da Praga da Fonte, no centro da aldeia, recomendamos que efectue o percurso seguindo pela Rua dos Faiais para Largo Professor Joaquim Luis Ribeiro. Cerca de duzentos metros acima, vire ao seu lade direito e desça em direcção ao ribeiro, seguindo para montante. Chegamos nesta altura ao "Buraco Roto", gruta necrópole de beleza e enquadramento paisagistico excepcional que nasce da particularidade que a maioria das grutas de quotas mais baixas dos sistemas cársicos apresentam e que, nos meses mais chuvosos, debitam pelas suas bocas toda a água que se infiltra nas zonas mais altas dos maciços calcários, criando uma bonita cascata. Ficará neste momento também embrenhado numa zona de mata em que os Carvalhos, os Loureiros e os Sobreiros se destacam. Em seguida, passe pelo túnel natural, que o leva a seguir um trilho estreito ladeado por Carvalhiças, Madressilvas e Gilbardeira esta última comumente chamada de Giz Barbeiro, muito utilizada como planta decorativa na epoca de Natal. Chega em seguida a um caminho empedrado que serve de atalho aos peregrinos em direcção ao Santuário de Fátima. Pouco depois alcançamos o Vale do Malhadouro, em que redobraremos a nossa atenção, pois o caminho poderá tornar-se mais técnico. Entra no mundo das saliências calcárias e na zona de Escalada do Reguengo do Fetal. Se estiver bom tempo, podera propiciar-se a observação da actividade de escalada. Entre as escadas de madeira e pedra, tem a sua esquerda a Chamine, fenómeno natural ocorrente da erosão da água e do vento. Descidas as escadas de pedra, ergue-se a esquerda a espectacular Pia da Ovelha, cova natural de grandes dimensões, que deve o seu nome a pia ai construida por baixo de uma estalactite e que goteja abundantemente na epoca das chuvas, utilizada no passado para dar de beber ao gado. O vale serve de habitat a muitas espécies e a fauna é abundante. Ao nivel da flora, as orquideas destacam-se pela sua raridade e pela beleza que apresentam na paisagem cársica. Deslocando-se para sul, passa por um pequeno colo - depressão bem definida numa zona montanhosa - acabando par sair-se desta forma de relevo, a subida faz-se por um trilho sinuoso que atinge o ponto mais alto do percurso, com cerca de 400mts de altitude. De seguida, e sem dificuldade, chegará aos campos agrícolas onde ainda hoje na terra fértil, se cultiva o milho e a batata, entre outras culturas. Desce depois ao Vale da Pena, onde mais uma vez, as vertentes abruptas se impõem, chegando assim ao centro da aldeia, onde por entre ruas e ruelas, regressará ao ponto de partida.

Athugasemdir

    You can or this trail